quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Já temos equipa escolhida!

Já se sabe o onze para esta noite!

A surpresa é a entrada do mexicano Jiménez a titular. Acho que é bem pensado pois é um jogador mais móvel que o grego e está com vontade de mostrar o seu valor na antiga equipa. 

Ainda hoje comentei que deveria entrar e confirmou-se. Preocupa-me um pouco a pouca rotação da equipa, que se poderá ressentir fisicamente.


Benfica - Júlio César; Nélson Semedo, Luisão, Jardel e Eliseu; André Almeida e Samaris; Gonçalo Guedes, Jonas e Gaitán; Raúl Jiménez.

Suplentes: Ederson, Sílvio, Fejsa, Pizzi, Talisca, Carcela e Mitroglou.


Paulo Lopes, Lisandro López, Cristante e Nuno Santos foram passear a Madrid, mas veem o jogo na bancada.

Esta é a nossa força!


Esta noite no Vicente Calderón estarão, pelo menos, 3.000 benfiquistas a puxar pelos 11 guerreiros que estarão de manto sagrado vestido. Provavelmente não são mais porque o Benfica não tinha mais bilhetes para vender.

Se não for por mais nada, que seja por estes que os jogadores deixem tudo o que têm em campo. Como escereveu o Slavio no Twitter "Para seres um campeão tens de acreditar que és o melhor. Se não és, age como se fosses"

Na conferência de imprensa que antecede o jogo o treinador Rui Vitória disse: "Até me arrepio - é a dimensão do Benfica além-fronteiras. Se mais bilhetes houvesse, mais estariam esgotados. Ficamos contentes por isso e queremos dar alegrias a quem nos acompanha. Vamos estar em minoria mas estes três mil adeptos vêm participar e ajudar-nos. São o rosto da família benfiquista que se espalha pelo mundo inteiro".

Benfica já escolheu quem quer no domingo!

Não estou a falar nos jogadores que jogam na Madeira contra o União, mas sim nos seus candidatos para as legislativas que decorrem no domingo, dia 4 de outubro. Espero que tenham votado em consciência.

Benfica já votou para as legislativas  
Rui Costa a exercer o seu dever cívico

A equipa do Benfica, tal como alguns dirigentes do clube e o treinador Rui Vitória, já votou para escolher o próximo primeiro-ministro português.

Os encarnados puderam antecipar o voto nas Eleições Legislativas porque no domingo se encontram longe dos seus locais de voto, uma vez que jogam na Madeira frente ao União.

Assim, os elementos do Benfica que quiseram exercer o seu direito ao voto fizeram-no esta segunda-feira nas  Câmaras Municipais das respetivas residências.

Foi o próprio clube que o comunicou, justificando que «segundo a Comissão Nacional de Eleições (CNE), o voto antecipado pode ser utilizado em algumas situações excecionais, sendo uma delas, motivos profissionais».
in MaisFutebol  

Pau que nasce torto, nunca se endireita!

ou então "Não há fumo sem fogo."

Estou obviamente a falar do marroquino Adel Taarabt.

Foto Luís Manuel Neves



Aquando da contratação do médio marroquino o seu antigo treinador no Tottenham e no Queens Park Rangers, Harry Redknapp, disse que "A mudança para o Benfica é boa para o Adel Taarabt. Penso que a Liga portuguesa pode adequar-se a ele. Sempre me dei bem com ele, mas ele sabe que tem de aplicar-se e ficar em forma, pois é um grande talento». Acrescentou ainda, "Ele não foi capaz de lidar com o rigor da Premier League, não estava em forma, estava com excesso de peso".

Claro que o jogador ripostou dizendo que "O Harry não é má pessoa, mas é um péssimo treinador." disparando também contra os colegas, alegando que estavam apenas interessados no dinheiro.

Mais recentemente o seu antigo empresário, Vincenzo Morabito, afirmou que o "Taarabt não joga há 25 anos, entende? Digo sempre que o talento não chega. Tem de se trabalhar no duro, deitar cedo e sobretudo não beber; e isso Taarabt não compreende. Ele pensa que chega o talento, mas não".






Na conferência de imprensa de antevisão do jogo de hoje com o At. Madrid, o treinador Rui Vitória confirmou que o médio marroquino "Está sob alçada disciplinar e não vou dizer mais nada sobre isso". O jogador foi afastado depois de notícias sobre o seu comportamento fora do campo, nomeadamente uma saída noturna na véspera do jogo com o P. Ferreira até às 03h30 da madrugada, quando tem de estar em casa até às 23h, segundo as regras do clube.



Ficaram surpreendidos? Eu não!

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Degustar

O jogo em Madrid...é para degustar!

Não temos nada a perder, temos tudo a ganhar!

Este é um jogo que todos querem jogar, contra uma grande equipa, um jogo da Champions!

Os favoritos são os espanhóis...e só temos de jogar à bola como sabem e aproveitar aquilo que muitos gostariam de poder fazer, que é estar nestes grandes palcos!

Os 3 pontos não são impossíveis, mas acima de tudo não gostava de ver a equipa a (não) jogar como fez no Parque dos Principes e foi varrida pelo PSG!

Faria ligeiras alterações no onze:
Júlio; Nelson, Luisão, Jardel, Sílvio;
Samaris, A.Almeida; Guedes, Nico;
Jonas e Raúl

Os convocados:
Guarda-redes: Ederson, Júlio César e Paulo Lopes;
Defesas: Lisandro López, Luisão, Eliseu, Sílvio, Jardel, André Almeida e Nélson Semedo. 
Médios: Fejsa, Samaris, Gaitán, Gonçalo Guedes, Pizzi, Talisca, Cristante, Carcela e Nuno Santos;
Avançados: Mitroglou, Jonas e Raúl Jiménez

Colinho!

#colinho

Em dia de aniversário da esposa, após um dia maravilhoso com amigos no Meco, não podia faltar a ida à Luz! A festa pedia uma vitória clara para o dia ser perfeito! E até a minha mãe foi pela primeira vez ao estádio!
Resultado, mais três pontos, com três golos num jogo sem nível altíssimo os 90 minutos mas com momentos de bom futebol que não deixam dúvidas sobre a vitória do Benfica.
A surpresa foi termos novamente...o mesmo onze, com André Almeida no meio juntamente com o Samaris. A ideia é compreensível, procurando consolidar uma dupla para os jogos mais difíceis que temos, na Champions e nos derbies/clássicos, sem ter de apostar nesses jogadores só em momentos de pressão à espera que resulte. Mas a verdade é que com esta dupla, Samaris parece mais à nora do que o costume, pois não sabe se é trinco ou se é 8...e o próprio Almeida, esquece-se das limitações e sai por ali fora qual Aimar...

O jogo, principalmente a primeira parte, é bem resumido pelo treinador do Paços. Bem disputado, dificuldades para conseguirmos desorganizar os rapazes da capital do móvel que até se arrojavam a rematar sempre que passavam o meio campo...e tal como ele disse, ainda bem para o futebol, o fator que marcou a diferença...foi a qualidade dos jogadores, neste caso de um senhor jogador! Aquele golaço do pé esquerdo de Jonas deitou o estádio abaixo, e virou a história da partida.

O segundo tempo, gerindo bem a posse de bola, foi aguardar pelo momento certo...e já depois do Mitro não ter conseguido tirar o Marafona da frente quando se isolou...apareceu Guedes na área, a receber do Nico e a rematar (com a trajectória da bola a ser desviada por um defesa) para o golo da tranquilidade...e depois foi o próprio miúdo a assistir de forma impecável o Jonas!
Até final, o pistolas até podia ter feito o hat-trick mas por duas vezes falhou o alvo, primeiro num cruzamento/remate do Guedes que tentou emendar para o fundo da baliza, e depois na recarga a um cabeceamento do Girafa ao poste.

A fechar a noite, confirmou-se a recuperação dos 2 pontos que tínhamos dado de avanço na semana anterior. Tal como eu tinha dito, não era ainda altura de deitar a toalha ao chão, havia 3 jornadas para ver o que a equipa ainda tinha para dar na luta! A primeira já está, e correu bem. Pra semana há mais, na Madeira!

Por fim, grande ambiente na Luz! 45 mil deram espetáculo! Talvez muitos tenham ido devido ao deslize da noite anterior...mas importa é que estiveram lá e as bancadas bem compostas! 
É tempo de mudar a história dos jogos fora!

Mais Benfica!

A equipa de futsal do SL Benfica goleou por 9-1 o CS São João, com golos de Chaguinha, Fernado Wilhelm 2, Ré 2, Gonçalo Alves, Alessandro Patias, Mário Freitas e Alan Brandi.

Também o Andebol voltou a somar vitória!

A juntar ao futebol e título conquistado no basquetebol, só o hóquei não foi feliz na supertaça.

PS - Tal como eu tinha dito quando os juniores golearam na jornada europeia os putos do Aztana...é sempre assim, quando se deslumbram lá fora, esquecem-se de cumprir cá dentro...e voltaram a tropeçar...o que vale é que ainda falta muito para o campeonato terminar e depois o que importa é ganhar na fase final de apuramento do campeão! Mais vale assim do que como no ano passado em que tinham ganho a fase regular com mais 19 pontos e depois foram-se abaixo na fase decisiva.

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Abrir a época...com um título conquistado!

O Benfica venceu a Oliveirense por 76-48, em São Pedro do Sul, e conquistou o Troféu António Pratas pelo segundo ano consecutivo.

Jeremiah Wilson, com 19 pontos e 13 ressaltos, foi o homem em destaque no Benfica que ao intervalo já vencia por vantagem folgada (43-30). Carlos Andrade e Tomás Barroso também estiveram em grande plano nesta final que cedo se tornou fácil de erguer o troféu!

Após a meia final termos eliminado os frutanheiros (também não consigo explicar como é que de extintos, mudam o nome para se inscreverem e de repente já estão na primeira divisão com o mesmo nome com que desceram...), a vitória na final soma o quinto título conquistado pelo Benfica nesta competição, depois das vitórias em 2011, 2012 e 2014.

Que seja o primeiro de muitos para mais uma época como a do ano passado! Gloriosa!

Estamos à espera...de serem horas!

Na Choupana...
E quando é que na Luz dão notícias de serem postos à venda?... Pois que andamos a ligar para a Luz há 1 semana e meia...e diziam que iam informar com a devida antecedência de quando iam ser postos à venda...pois...então a devida antecedência foi dizerem há pouco mais de 1 hora atrás (10h52) que os bilhetes estavam já à venda desde as 10h da manhã!!! Obrigadinho, Organizaçãozinha...
Locais de Venda:
- Bilheteiras Estádio da Luz
- Departamento das Casas do Benfica
Preço dos Bilhetes:
- Bancada Nascente Lateral Sul – 15,00 €
- Bancada Poente Sector E – 20,00 €

Local/Data/Hora do jogo:
- Estádio da Choupana (Nacional da Madeira) – 4 Outubro às 16h00
Infelizmente será na Choupana, que é sempre o caos para lá chegar...e infelizmente as previsões de tempo são bem mázinhas para quem lá vai passar o fim-semana para ir ver o Maior de Portugal!
Infelizmente...estamos agora à espera de serem horas...ou de almoço para alguém lá conseguir ir por nós...ou então horas de sair do trabalho para lá poder ir garantir os bilhetes para o jogo, pois só agora se lembraram de informar que já os iam colocar à venda, e logo sem quaisquer restrições nem prioridades de vendas para Redpass!
Com a devida antecedência...

Lá estaremos, doa o que doer! #sejaondefor 

Quota extra em vias de ser exigida!!!!

Está mais do que visto que, por este andar...vão-nos exigir pagar uma quota extra!!!

É que ter o luxo de ver Nico e Jonas a jogar com o manto sagrado na Luz...começa a parecer que estamos a ir à bola quase de graça!

(calma, não se ponham com ideias...)

E depois a classe do Pistolas...com aquela humildade e categoria...depois da obra de arte...ainda demonstra ser acima da média sempre que fala!!

«Acreditei e consegui! Mesmo de longe! Faça o mesmo, sempre. Acredite que você é capaz e busque os seus objetivos. Feliz pela vitória e pelo bom trabalho da nossa equipa. Fizemos um bom jogo graças ao trabalho de todos»

domingo, 27 de setembro de 2015

Não foi nada mau

Recuperar dois pontos aos dois que se ficaram a rir na semana passada, a juntar a mais uma boa vitória é um golaço na Luz.

Grande jornada.

sábado, 26 de setembro de 2015

Hoje não dá jeito

É dia de aniversário da esposa...e quase todos os marmanjões habituais na bancada se vão baldar...daí que tinha tudo para me sentir pressionado a não ir ao jogo também...

...foi quase.

Lá estaremos!

Júlio; Nelsinho, Luisão, Jardel, Eliseu
Samaris, Djuricic; Nico, Guedes;
Mitro e Jonas

Do banco: Carcela, Raul e Cristante

Sim, era tempo de Djuricic ser aposta para uma posição onde nenhum dos outros mostrou capacidade até agora para ser aposta firme e constante! E o Cristante ser opção dado que a saída com bola nos pés parece não ser o modelo de jogo mais usado, mas sim as aberturas para as alas, e ele é o melhor no plantel na capacidade de passes longos.

Eu tenho 2 amores!

Hoje é um dia especial...joga o Benfica...e...

Há alguém que faz anos hoje! :)

Muitos Parabéns! E Obrigado!

Hoje é dia de Clássico!

O Basquetebol do Sport Lisboa e Benfica disputa a Final Four do Troféu António Pratas, depois das duas vitórias na Fase anterior ante a UD Oliveirense.

É o nosso primeiro objetivo da época.

A meia-final entre SL Benfica – FC Fruta tem início marcado para as 21h00 de sábado, em São Pedro do Sul. Na outra meia-final defrontam-se UD. Oliveirense e Ovarense. A Final da prova está marcada para as 20h30 de domingo, dia 27.

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Chega mesmo no fecho do mercado de inverno!

Que falta fazes, toto! FORÇA Campeão! Que ainda venhas a tempo de nos levar aos sucessos!

Assistências!!!

Ola John, autor do passe que resultou no golo do Reading na derrota (1-2) com o Everton, para a Taça da Liga inglesa, considera-se «um homem de assistências», ainda que revele abertura para pisar outros terrenos do ataque.

Confere.
Muitas vezes também foi visto claramente a assistir ao jogo...dentro do relvado.   eheheh

Estes também andam lá fora...

...a dar nas vistas!

O Benfica B começou a Premier League International Cup com uma vitória diante do Celtic por 2-1, num encontro disputado em Inglaterra.

Os comandados de Hélder Cristóvão deram início ao triunfo com um golo de Diogo Gonçalves, aos 37 minutos. Na segunda parte, os encarnados ampliaram a vantagem por intermédio de Sarkic, tendo o Celtic reduzido no marcador com um golo de Aidan Mcllduff.

O Benfica partilha a liderança do grupo A com o Chelsea, depois dos londrinos terem ganho ao Liverpool por 4-2. 

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

2 dias e meio

Foi o quanto duraram nas bilheteiras os ingressos para o jogo em Madrid! 2 dias e meio!

Os bilhetes do SL Benfica para o encontro fora da UEFA Champions League com oAtlético de Madrid estão esgotados!


Agora já podem colocar à venda os tickets para o jogo na Madeira, sff?

No lugar do Jonas, claro...

...

Os jornalistas é que percebem de muito de bola! :)

É que o problema foi não ter jogado de início no último jogo, certamente...assim já estamos todos mais confiantes.

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Ser pequenino é uma cena que não lhe assiste...

Jonas ficou orgulhoso por ser eleito Jogador do Ano em 2014/15, numa inciativa levada a cabo pela TSF, e decidiu e doar os 10 mil euros do prémio à Ajuda de Berço, instituição que acolhe de forma permanente 40 crianças em duas casas.

"Quero agradecer este prémio individual. É uma alegria recebê-lo e quero agradecer aos que votaram em mim. Vou levar este prémio para o meu país e guardá-lo com muito carinho. É difícil ser escolhido o melhor jogador da Liga Portuguesa, uma Liga tão competitiva, e estou muito orgulhoso e feliz. Quero fazer a doação à instituição à Ajuda de Berço porque tenho a certeza que será muito útil", afirmou o avançado.

Dentro e fora de campo, ser pequenino é uma cena que não lhe assiste...

Convocado!

Nico Gaitán integra a lista de convocados da Argentina para os dois primeiros compromissos da fase de qualificação sul-americana para o Mundial de 2018, na Rússia.

A seleção albiceleste começa por defrontar as congéneres do Equador e do Paraguai, a 8 e 13 de outubro, respetivamente.

Esta iniciativa devia ter outra dimensão!

“Batismo de Sócio” regressa no sábado

Como tem sido habitual nos jogos na Luz, o Clube volta a desenvolver esta ação na receção ao Paços de Ferreira.

Esta ação é destinada a antigos Sócios que enviem número do NIB para passagem de pagamento de quotas para débito direto (válido para 1.ª adesão ao débito direto, nos caso de envio por e-mail ou fax apenas são abrangidas as comunicações recebidas até às 15h00 do dia 25 de setembro) ou para novos Sócios que se inscrevam na Loja do Sócio e indiquem o NIB para pagamento das quotas.

A acção que vai acontecer no SL Benfica – Paços de Ferreira arrancou a 14 de setembro, às 9h30 e termina no dia 26 de setembro, dia do jogo, até 2h00 antes do apito inicial ou até que os bilhetes relativo a esta campanha esgotem.

O Clube oferece dois bilhetes para o jogo SL Benfica – Paços de Ferreira e os Sócios que estejam abrangidos pela campanha irão ter a oportunidade de dar a volta ao relvado antes do referido desafio. O início da volta ao relvado está marcado para 17h15 (15 minutos após a abertura de portas). O jogo tem apito inicial às 18h30.

A oferta é limitada à disponibilidade de lugares e a maiores de três anos de idade. Os Sócios abrangidos por esta campanha devem efetuar o levantamento dos bilhetes na Loja do Sócio, juntamente com os bilhetes será entregue uma carta com as indicações que os Sócios devem seguir para participarem na ação no relvado.

Acho muito bem esta iniciativa, mas sei que muitos sócios que o são há mais anos, também gostaria de ser reconhecidos e ter esse privilégio de entrar na Catedral em dia de jogo do SLB...e se calhar até o merecem mais!

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Que azar

Andamos numa maré de azar tão fod*** que realmente parece que o sol quando nasce é só para os outros...

...até o s.pedro se lembra de dizer que chove no único dia em que devia estar mesmo bom tempo!
Raispartapá...

Não há tempo

"Não conseguimos o triunfo que procurávamos, mas o futebol tem estas coisas, por isso há que levantar a cabeça. Não há tempo para lamentos, temos de começar a pensar no próximo jogo. Agora temos de estar todos juntos. A união faz a força. Vamos!", 

Nico Gaitan


Não há tempo para lamentos...nem para mais falhas.
Outros não jogam um chavelho e continuam a conseguir ganhar à rasquinha...e isso é que vale nas contas finais!

Estes não se vendem!


segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Benfica muda de treinador à 5ª jornada??!!

Vivi o dia do clássico como dois dos últimos derbies no wc...aquele em que Markovic empatou a uma bola e o do ano passado com Jardel a fazer o empate nos descontos!
Curioso que tanto num como noutro derby, estava bem menos confiante do que para o Clássico de ontem! E em ambas essas alturas estávamos a jogar bem pior do que agora vínhamos a jogar...e em ambos esses jogos, fizemos bem menos para merecer pontuar...do que no jogo de ontem!
Infelizmente, não interessa o quanto jogas, interessa quantos mais marcas e menos sofres...e havia algo com que não estava a contar ontem...foi constatar que o Benfica mudou novamente de treinador a meio...da 5ª jornada!

Com amigos em convívios longe dos rebuliços, longe das redes sociais, e longe das televisões!
Mesmo assim não resisti, e logo pela manhã vesti a camisola que deixa marca por onde passa! Em dia de clássico contra os azuis, juntei-me ao amigo campeão Cola e fomos tirar ferrugem das pernas pela zona ribeirinha de belém...de onde é a equipa azul a quem na jornada anterior enchemos a baliza de golos. Impressionante, não a nossa forma física, não o ritmo extasiante da nossa passada, mas sim como ninguém consegue ficar indiferente ao símbolo que levávamos ao peito! Força Benfica! Vamos Benfica! Carrega Benfica! De muitos lados ouvíamos estes gritos e incentivos, partilhas de um desejo! #juntos

Ao final da tarde, recolhi-me, no mesmo local, onde sozinho sofri o ano passado no derby das jornadas iniciais do campeonato...
Previa-se surpresa no onze. Pensava-se que seria na linha da frente. Também se apostava no centro do terreno. E foi aí, mas não com o elemento que se pensava. De não utilizado, a titular, André Almeida levou o 34 para o relvado...rumo ao #35.

O jogo começou equilibrado, e aos 7 minutos de jogo, num pontapé de canto batido por Nico para o segundo poste...apareceu Mitroglou a cabecear colocado para grande defesa do Casillas, que tinha a Carbonada na bancada mais interessada em enviar sms a algum macaco da noite tripeira.
No duelo Mini versus Nico, o argentino ia estando mais ativo, e ao cruzar para a área mais um canto que o próprio conquistou, surgiu Luisão a cabecear para Mitroglou desviar de cabeça para o golo...mas Iker esticou-se até ao chão e faz uma defesa enorme evitando o golo do bicampeão!

A meio da primeira parte o jogo estava muito intenso, com equipas abertas e a procurar pressionar forte e rápido quando em posse de bola. No Benfica, Mitroglou estava muito em jogo e a segurar bem as bolas, Nico a dar muito suor aos frutanheiros e faltava apenas mais inspiração e acerto de Jonas, que demorava sempre muito a decidir. Aquele contra-ataque aos 27 minutos em que o Mitra de calcanhar parte a defesa contrária, deixa para Jonas que tem imenso espaço para subir e assistir ou à esquerda ou à direita, mas após muito demorar, faz um pase com demasiada força...é um desperdício!
A verdade é que não me recordo nos últimos largos anos de um Benfica tão atrevido e a disputar tão bem o jogo no dragay e a criar boas jogadas de ataque com oportunidades para marcar. Isso não chega, falta meter a redondinha lá dentro!

Aos 34 minutos, uma das manchetes que mais focavam no clássico, deu faísca. Já antes o Mitro tinha sentido umas festinhas do uruguaio e não gostou...mas agora é que aquilo começou mesmo a aquecer. Mini prende a bola, falta clara assinalada, mas depois há ali ameaça de pontapear a bola contra o Jonas, e aparece Eliseu a fazer peitaça, gerando-se confusão sanada pelo Nico que leva dali o Mini para fora... Amarelo para o lateral da casa.
Vamos mas é voltar a jogar à bola que era isso que estavam a fazer, e bem. Não se desconcentrem com estas tretas.

O primeiro pontapé de canto para os frutanheiros nasce de um grande corte de Jardel na sequência de uma falta escandalosamente não assinalada sobre o Guedes, que daria amarelo claríssimo ao mexicano defesa esquerdo dos corruptos.
E os túneis ficaram a ferver com o Maricon a entrar à kungfu em cima do Jonas mesmo nas barbas do boi do apito, uma entrada perigosa que por muito pouco não acertou no jogador do Benfica...e o Maricon bate...e foge para o balneário!!! ahahahah!!! Sururu novamente...

Vimos um Benfica a jogar à Benfica nesta primeira parte e a fazer um bom jogo! Foram os melhores 45 minutos desde há 20 ou mais anos no dragay...mas isso pouco interessa...se não marcamos... Venha de lá a segunda parte...que isto promete haver de tudo...e provavelmente não hão-de faltar expulsões! Só que de repente...o Benfica muda de treinador ao intervalo...e no banco voltou a estar uma espécie de jjudas...e desapareceu tudo aquilo que fizeram na primeira parte para voltar a estar uma equipa apática e receosa...a ver jogar...e às tantas...à espera e contente de empatar...
Que raio de altura para mudar de treinador novamente!!!


Ui que susto...mau alívio, muito espaço para cruzar...mas acima de tudo, com a defesa encarnada toda a dormir e a deixcar 3 gajos sem oposição ao segundo poste...onde o bubas cabeceou...ao poste!!! Aí está o primeiro susto a procurar meter o campeão em sentido e a encostar-se lá atrás...

E so superdragay do apito depois de perdoar duas ferroadas andrades, vai de amarelar o Almeida por uma bola fora...e logo a seguir deixa por castigar o Imbrulha por agarrar o Jonas que já tinha passado por ele...mas pior...não dá o segundo amarelo ao Mini após uma entrada perigosa que acerta no Jonas!!! Inacreditável!!! Isto assim é inadmissível! Nem falta assinalou!

Para seguir na mesma onda, depois lá fez vista grossa, e já que tinha deixado passar cinco amarelos aos azuis...deixou escapar o Almeida também. Atenção mister, que ele não volta a deixar passar o André! É tempo de mexer, que estamos a perder o controlo. De repente a equipa está cagona!

Acorda Vitória!!!! Crl!!! Pareces o jjudas!!! Tens de refrescar o ataque e trocar o 34! O Almeida está condicionado no miolo e com isso a equipa está a perder solidez! Após o espaço dado no meio, o Bubas deixou para trás os nossos dois centrais e valeu o Julio a sair e desviar...e na sequência do lance o Luisão quase faz penalty antes do bubas (que depois foi dizer ao ouvido do Luisão que teve sorte) rematar ao lado... Mais uma grande oportunidade para os da casa quando nós neste segundo tempo estamos a parecer as equipas dos últimos anos! Tens de mexer! Até já o flopetegui viu que a estrela Corona não conseguiu fazer nada do Eliseu e chamou o Varela!

Vinte minutos para o fim...e jogo partido, com perdas de bola e faltas a virar bonecos, com o Maricon a ver aquele que já seria o segundo amarelo por varrer um jogador do Benfica! Na área encarnada valeu um grande corte de Nelsinho a bloquear o disparo de Brahimi e no contra ataque, Guedes tenta o remate, mas Casillas segura sem dificuldade, para pouco depois novamente Guedes a cruzar para Mitroglou cabecear por cima!

Quase um quarto de hora para o fim...e o Vitória (és tu?) continua sem mexer!!! E viu Brahimi num canto estudado voltar a assustar...e dar uma série de cantos seguidos para os frutanheiros!

Sai Jonas...que continua sem marcar nem fazer grande exibição em jogos grandes...e entra Talisca...tás a gozar...ele sabe lá o que tem de fazer ali!?? (em quinze minutos em campo apenas tocou na bola uma vez, de cabeça, completamente perdido em campo, uma nulidade!!!)
Sai Guedes, entra Pizzi?! Guedes era dos que ainda mais corria e estava a dar bom apoio ao Nelsinho... Agora vai ser deixar correr relógio para segurar o ponto...sabes o que isso sempre significou Vitória...? Isso é atitude que o outro fazia! Isso normalmente dá sempre Cócó! Espero que não...

Os amarelos continuavam a ser distribuídos, mas com tantos perdoados, era só para as estatísticas e ninguém ia ao banho mais cedo...e o equilíbrio segurado...deixou o campo inclinado já que o treinador do Benfica esqueceu-se de ser treinador do Benfica e quis imitar o seu antecessor. Não mexeu bem, não mexeu a horas...e numa jogada com a equipa toda descompensada...Pizzi não apoia o Nelson que já tem amarelo...não fazem falta no meio campo (ao contrário das 3 ou 4 que limparam logo ataques rápidos nossos e amarelaram os gajos)...deixaram autoestradas para o golo adversário...e a 5 minutos do fim...Brahimi foge da esquerda para o meio, Varela faz de pivot e ninguém acompanha o André...claro...o meio campo estava parado...com o Talisca a apanhar bonés e em vez de apoiar o meio campo que estava cansado, ainda foi atrapalhar e ninguém sabia que raio ali estava a fazer...

Agora já é tarde, palerma...Raul entra para o lugar de Samaris mas já não havia tempo para mais...
Que desperdício! Isso, também o Judas fazia...e não resultava. Fdx.

Bubas e Casillas os melhores para os da casa. Mitroglou e Nico os melhores do Benfica (primeira parte). Em plano negativo, Jonas (por aquilo que se espera dele, exige-se sempre muito mais e houve ali momentos que ele é capaz de fazer a diferença e não o conseguiu) e Rui Vitória (ou lá como se chama o treinador que esteve no banco na segunda parte), com as suas substituições merdosas!
Jonas tem crédito de sobra. Vitória tem de mostrar mais inteligência!
A equipa tinha obrigação de estar melhor fisicamente na segunda parte do que esteve! Os frutanheiros vieram de viagem a Kiev e com menos 1 dia de descanso que nós! E após uma primeira parte muito intensa e equilibrada...quem rebentou fomos nós...e não soube mexer bem e a horas para evitar a tendência que se estava a criar! Isso não admito! Isso não compreendo!
Não me lixem, só um treinador conseguia perder perto do fim um jogo contra um outro treinador da treta que estava a ser assobiado e a ver coisas brancas a serem acenadas na sua direção pelos próprios adeptos! Que raio de altura para terem ido buscar o fdpjudas novamente para o banco do Benfica!

Só mais uma nota...não termos alas nem jogadores com velocidade no banco que contem para o "totobola" é demasiado estranho.
O síndrome...está aí para se encontrar a cura!

Sábado lá estaremos!

Síndrome...

...de 1-0!

Em 6 jogos oficiais...

...3 jogos na Luz deram vitória.

...os outros 3 não disputados na Catedral...deram derrota...todas por 1-0!

Não tem piada! Espero que tenha cura!

Nas próximas 3 jornadas, decide-se se o Tri é uma miragem ou nos dedicamos exclusivamente às restantes competições. Paços e lags na Luz, com ida à Madeira pelo meio! 9 pontos e estamos na luta! Menos que isso...não se admite!

Nós lá estaremos! Nestes 3 jogos cruciais!

domingo, 20 de setembro de 2015

Terceira vitória em três jogos!


Futsal: Benfica vence no pavilhão do Fundão

O equipa de futsal do Benfica deslocou-se ontem ao Fundão, para jogar com a equipa local, e venceu por 1-3, em jogo a contar para a 3ª jornada do Campeonato Nacional da modalidade. 

Os golos do Benfica foram marcados por Ré (aos 4'), Fernando Wilhelm (aos 18') e Alessandro Patias (no último minuto). O golo dos serranos foi de Tiago Soares aos 12 minutos.

Com a terceira vitória em três jogos o Glorioso soma nove pontos e está no topo da tabela classificativa. 

Vontade não falta!

É reconfortante ver a garra que os jogadores demonstram de ir ao Dragão e trazer de lá a vitória, que nos lançará para a conquista do tricampeonato.

Com a exceção do ano passado, com excelente vitória com bis de Lima, os últimos anos foram de sofrimento, pois a equipa (ou o treinador?) parece que bloqueava sempre que jogava na casa dos tripeiros.

Espero que este ano, respeitando sempre o adversário, o Benfica entre sem medo e que traga a tão desejada vitória!





Palpites para o onze de hoje.

Os onze escolhidos para entrarem de início no jogo de hoje só o Rui Vitória, e poucos mais, saberão.

Acredito que a equipa não será muito diferente que a que fez os últimos jogos, mas haverá certamente algumas alterações. Num jogo com este importância e dificuldade o meio-campo terá de ser reforçado. Não terá de ser obrigatoriamente com a entrada de mais um médio, mas pelo menos taticamente a equipa terá de compensar o facto do FCP ser muito forte naquela zona.

O meu palpite para hoje é:

Júlio César; Nélson Semedo, Luisão, Jardel e Eliseu;
Fejsa, Samaris, Gaitán e Gonçalo Guedes;
Jonas e Raul Jiménez

Passo a explicar. Não mexia na defesa que tem dado bons resultados. Reforçaria o meio campo com a entrada do Fejsa, para jogar ao lado do Samaris, com o grego autorizado a subir sempre que necessário. O Jonas jogaria mais recuado que o normal, tipo "falso 10", para tabelar com os alas (Gaitán e Guedes). Apostaria no Jiménez pois parece-me mais rápido e "solto" que o Mitroglou, o que poderia causar danos na defesa azul e branca.





Qual é o vosso palpite para o onze?


sábado, 19 de setembro de 2015

Coragem!

Amanhã por esta hora será o primeiro teste que colocará à prova a equipa de Rui Vitória!
A equipa de Todos nós!
Para entrar no dragay e vencer é preciso...Coragem...e via-se isso pois sempre que o cagão lá ia borrado saía derrotado...mas não só! Sorte, como o ano passado se viu, num jogo em que jogámos muito pior, vimos os frutanheiros dispor de inúmeras oportunidades que desperdiçaram e nós, em meia oportunidade marcámos dois golos com sabor a Lima.

Amanhã, apostava neste onze:

Júlio; Nelsinho, Luisão, Jardel, Eliseu;
Fejsa, Samaris; Carcela (esq), Nico (centro), Victor Andrade (dir); Jonas

Do banco: Pizzi, Guedes, Mitroglou

Solidez no meio campo, velocidade e trocas constantes de posições na frente, com o Nico a combinar no meio com o Jonas.

Lista de convocados:
Guarda-redes: Ederson e Júlio César. 
Defesas: Nelson Semedo, André Almeida, Luisão, Jardel, Lisandro López, Eliseu e Sílvio.
Médios: Samaris, Fejsa, Cristante, Pizzi, Talisca, Gaitán, Nuno Santos, Taarabt, Gonçalo Guedes e Carcela.
Avançados: Jonas, Mitroglou e Raul Jiménez.
(não estando convocado o Andrade, segundo contam alguns rumores, jogaria Guedes)

Aquelas alas...


O caos no Basquetebol

Começa atabalhoada a temporada de Basquetebol com uma trapalhada (à qual é alheio o Benfica) devido às inscrições das equipas.
O Troféu António Pratas (LPB) conta, esta época, com apenas cinco equipas, após várias terem desistido de participar na competição. O Lusitânia e a Ovarense eram para fazer parte do grupo do Sport Lisboa e Benfica, no entanto, o conjunto dos Açores optou por abdicar da presença neste torneio, enquanto a equipa de Ovar – face as desistências de Maia Basket e Vitória de Guimarães – passou a fazer parte do outro agrupamento (com FC Porto e Barcelos), o que faz com que a Oliveirense seja o único adversário dos “encarnados” na Fase de Grupos.

Esta situação significa, em termos práticos, que as duas equipas já estão qualificadas para a Final Four do troféu, estando em discussão apenas quem fica no primeiro lugar do respetivo grupo.

O SL Benfica iniciou, esta sexta-feira, as competições oficiais da temporada 2015/2016 com uma vitória sobre a Oliveirense por 68-77 na 1.ª jornada do Troféu António Pratas.

Em Oliveira de Azeméis, os Tetracampeões Nacionais venceram os quatro períodos (22-23, 38-42, 47-65 e 68-77), dando mais um passo na luta pelo primeiro lugar do Grupo. Jeremiah Wilson (8), Carlos Andrade (19), Mário Fernandes (11), Nuno Oliveira (15), Marko Loncovic (6), Frederick Gentry (6), João Soares (7), Diogo Gameiro (2) e Tomás Barroso (3) marcaram para o SL Benfica.

Destaque ainda para a ausência de Carlos Lisboa. O treinador não esteve no banco porque está a recuperar de uma pneumonia, motivo que o leva também a falhar a partida da segunda jornada que se realiza este domingo.
Alguns jogadores a recuperar de lesão também ainda não foram opção, entre os quais o capitão e o reforço mais sonante da época. 


No domingo, em casa, Sócios e Adeptos terão a oportunidade de ver em ação a equipa após a exigente pré-temporada. O encontro com a UD Oliveirense (2.ª jornada) está marcado para as 16h30, no Pavilhão Fidelidade. A entrada é gratuita, mediante levantamento de convite na Megastore.
in SLBenfica

Exercício aprovado

Os sócios do Benfica aprovaram esta sexta-feira, em Assembleia Geral, o relatório de gestão e contas do exercício de 2014/2015 do clube, com um resultado positivo (pelo sexto ano consecutivo) de 4,1 milhões de euros.

Num universo de 293 sócios, equivalentes a 8363 votos, foram registados 7294 votos a favor (87,22 por cento), 765 contra (9,14) e 304 abstenções (3,64).

Os números apresentados pela Direção dão conta de um crescimento de 5 por cento na quotização, 14 por cento no Merchandising e 12 por cento ao nível dos Patrocínios e Publicidade, bem como de uma redução de 15 por cento em outros rendimentos.

Os gastos operacionais aumentaram 2,4 milhões de euros, registando um acréscimo de 10 por cento face ao ano anterior.

O ativo recuou 255 mil euros (8.835 para 8.581) e o passivo diminuiu 7,2 milhões (107,5 para 100,3).

in ABola

Craques com estilos (quase) iguais


MAGIA!

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Benfica só com vitórias no andebol



Andebol vence no Restelo

Três jornadas, três vitórias! Assim vai o Andebol do SL Benfica, uma equipa renovada, plena de juventude, mas com grande ambição e entrega… predicados que nesta noite de quarta-feira foram bem evidentes.

A equipa comandada por Mariano Ortega deslocou-se ao Restelo e, em pleno pavilhão Acácio Rosa, venceu o Belenenses, numa partida relativa à 3.ª jornada do Campeonato Nacional.

Jogo muito disputado, intenso, com o intervalo a chegar com uma vantagem de dois golos para os anfitriões (12-10). Segunda metade idêntica, com um Benfica de garra a superiorizar-se e a vencer por 21-24. Missão cumprida… e muito bem!

Marcaram pelos “encarnados”: Belone Moreira (9), Tiago Pereira (3), João Pais (2), Elledy Semedo (2), Paulo Moreno (3), Hugo Lima (3), Hugo Freitas (1) e Javier Borragán (1).

Depois da deslocação ao Restelo desta quarta-feira à noite, a equipa de Andebol do SL Benfica regressa à Luz com a receção à formação do Avanca.

Esta partida, relativa à 4.ª jornada do Campeonato Nacional, está agendada para as 15h00 do próximo sábado, no Pavilhão n.º 2 do Complexo Desportivo da Luz.

Benfica recebe Barcelona, Real Madrid, Juventus e Liverpool

1ª edição

Nos próximos dias 25 e 26 de setembro o Benfica vai organizar a 5ª edição da Youth Cup. O centro de estágio do Seixal vai receber equipas de formação do Barcelona, Real Madrid, Juventus e Liverpool. 

O dia 25 está reservado para um colóquio na área da Formação no futebol e no dia 26 vão realizar-se quatro jogos em escalões diferentes, por esta ordem: 
10h00 – SLB x Juventus (Sub-14) – Campo n.º 7 
11h30 – SLB x Real Madrid (Sub-17) – Campo n.º 1 
15h00 – SLB x Liverpool (Sub-16) – Campo n.º 7 
16h30 – SLB x Barcelona (Sub-15) – Campo n.º 1 

No dia 26 os jogadores participantes na Youth Cup vão assistir ao encontro no Estádio da Luz, às 18h30, no jogo do Benfica, frente ao Paços de Ferreira.

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Ordinária

Ordinária agendada para amanhã!

Best off

A melhor análise ao jogo da Champions na Luz:

Nesta primeira jornada da Champions, encontraram-se duas equipas que estão em pólos absolutamente opostos, não só em termos de localização no continente europeu, mas também no que respeita ao fenómeno desportivo... por exemplo, quando o SLB participou em Voltas a Espanha em Bicicleta o pessoal perguntava "o quê, o SLB também tem equipa de ciclismo?"... agora com o Astana na Champions o pessoal pergunta "o quê, o Astana também tem equipa de futebol?".

A vitória de hoje foi bastante importante e apenas possível porque o SLB não menosprezou o seu adversário mais fraco... ao menos aprendemos com os erros do CSKA de Moscovo que menosprezou um rival fraquinho e ia ficando fora da Champions.

Para terminar, deixo-vos as melhores piadas possíveis com o nosso adversário de hoje: "a noite de hoje parecia de Inverno... felizmente tínhamos cazaques para nos protegermos do frio"... "hoje não nos apetecia nada jogar, mas jác'aquistão o pessoal joga"... "se o Exterminador Implacável tivesse nascido no Cazaquistão dizia Astana Vista Baby"... "o melhor de visitar o Cazaquistão, é quando nos vimos emborat".

Quando te perguntarem sobre os rivais...responde assim!

video

Rivais? LOL! Não é comparável! Para isso era preciso que estivessem ao mesmo nível...

"Nunca encontrou rival, neste nosso Portugal!"

Até agora...está a ser assim o balanço!

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Tolos e Treinos...e notas para todos!

Esta ideia ridícula dos jogos em casa da Champions é que passam em canal aberto e os jogos fora em canal codificado faz um bem enorme para motivar o pessoal das festas a ficar em casa em vez de ir à Luz...
...quem não ficou em casa...foram os tolos do costume (32 mil)...ainda para mais, em dia de valente queda da chamada "chuva molha tolos"...

Mas não nos importamos de ser tolos...ou loucos da cabeça, como nos chamam...sentimos a necessidade de lá estar...

Depois do "treino" com os pastelinhos de belém...tivemos novo "treino" com os amigos do Borat.

Foram dois bons "treinos", para tirar apontamentos após a paragem do campeonato:

Júlio César (nota 8,5) - Dá uma enorme segurança à equipa. Nos primeiros jogos da época foi sempre dos melhores em campo. Nestes dois, apenas teve de fazer uma ou duas defesas sem grande dificuldade, apesar do Astana ter procurado surpreender (de longe disparo ao lado e dentro da área acertaram no poste).

Laterais Nelsinho e Eliseu (nota 6) - Dores de cabeça. Na esquerda, o Eliseu não tem usado bem a sua principal arma (remate), mas procura subir e na Champions esteve bem no ataque (uma assistência primorosa para golo), mas a defender continua muito atabalhoado e às vezes parece que lhe pára o cérebro. O miúdo tem genica e velocidade, e já o endeusaram rapidamente para fingir que já não se sente falta nenhuma do anterior dono do lugar, mas não tem ainda inteligência e estaleca. Isso ganha-se, aos poucos, mas para já continua a dar muitas "casas" na linha defensiva e mesmo a atacar, perde-se muito e cansa-se em demasia, como ontem se viu ao correr, correr, correr...até sair pela linha lateral. O jogo com o Belém foi o melhor que já o vi fazer (sim, muito melhor do que aquele que até marcou), pois para além de apoiar no ataque não abriu autoestradas nas suas costas e defendeu bem, recuperando muitas bolas e apagando por completo o seu opositor. Ontem, voltou ao estilo habitual, falhando passes, perdendo bolas e estando mal posicionado com frequência, mas a atacar sofreu penalty não assinalado e ainda cruzou para o Mitra falhar um golo certo, de cabeça. Domingo, considerando que as alas são o que mais forte tem o clube da fruta, terão prova de fogo frente a Brahimi e Corona, para além do Maxi ir aparecer muitas vezes na zona do Eliseu.

Centrais (nota 6,5) - Até ao jogo de 6ª feira passada, em quatro oficiais tínhamos sofrido quatro golos, sendo que em apenas um deles a baliza do Júlio César não foi violada. Curiosamente, foi com a saída do Lisandro (regressando de lesão o Jardel), que até tinha sido o melhor elemento do quarteto defensivo nos primeiros jogos, que a equipa conseguiu estar dois jogos consecutivos sem sofrer golos. Passou o Jardel a ser o melhor elemento da defesa, já que o Luisão tem tido algumas falhas e ainda não está no seu pleno, recorrendo a faltas muitas vezes (contra os pastéis foi quase um trinco a cascar nas pernas do bifanas) e consequentemente sido amarelado sem necessidade. Sendo dupla que se conhece bem e que sabemos o que vale, a confiança e qualidade está lá e sabemos que vai crescer.

Samaris (nota 7) - Tarda em aparecer ao nível do ano passado, mas a garra e dedicação não lhe falta. Com os pastéis esteve muito ativo e deu conta do meio campo. Mas ontem, ou o Talisca o atrapalhava demasiado ou parecia que estava com a cabeça noutro lado. Não era só as bolas que perdia, e nem era pela perda de posição pois isso conquistava, mas sim pelo sangue quente que o deixava desvairado sem motivo e não descansou enquanto não viu o cartão amarelo...que até tardou pois o compatriota do apito até lhe perdoou umas merecidas. O cartão só lhe fez foi bem, e a partir daí (segunda parte), teve cabeça e pés, até estoirar, sabendo que tem de dar conta do serviço sozinho. Limpar jogadas e sair a jogar ao seu estilo, até isolando o Jonas com um grande passe. A primeira opção ao grego é o Fejsa que quando tem jogado não responde ao mesmo nível, falhando posicionamento e passes inaceitáveis.

Os oitos...Talisca e Pizzi (nota 5) - Se os laterais são dor de cabeça, aqui reside o grande problema. Pizzi não é grande espingarda, mas vai safando (ou foi safando o ano passado), principalmente se o Samaris está em forma, mas este ano andou muitos furos abaixo neste arranque de época, até no que seria uma mais-valia que era a distribuição de jogo e passes acertados. Contudo, a opção pelo patanisca ainda é mais preocupante, pois o zuca falha todos os tempos de entrada aos lances, perde-se nas funções a meio campo, procurando compensar com os passes a abrir nos alas e remates de longe que já deu golão, só que isso está longe de chegar ao plano do aceitável para o que a posição exige e acaba por desequilibrar muito a equipa e deixar muitos espaços no centro do terreno, mais ainda com o modelo de jogo do RV em que os alas estão mesmo colados nas linhas laterais. Solução para jogos de dificuldade acrescida e meios campos fortes? Difícil dizer, pois Fejsa e Samaris parece que não deram bem conta do recado na Supertaça, e estar constantemente a tirar o Samaris da posição 6, dificulta que atinja a melhor forma.

Os alas (nota 6,5) - Guedes e Andrade correm pela direita. Aproveitaram a fraca opção que os marroquinos deram ao mister para se mostrarem e mandaram o Ola John para a segunda divisão inglesa. Só isso já é suficiente para ter nota positiva, mas têm procurado fazer mais do que isso para crescer e aprender e dar contributo à equipa. Andrade foi o primeiro a dar nas vistas, entrando cheio de vontade e entrega, trazendo do banco velocidade para a equipa com assistências e olhos para a área contrária, mas acabou por ser o Guedes a ganhar a titularidade, procurando cruzamentos e espaço para rematar, conseguindo-o mais na 6ª feira do ontem, onde esteve mais apagado. O Nuno Santos ainda teve pouco para mostrar, principalmente por estar tapado pelo...mágico. Não são ainda titularíssimos, precisam amadurecer "à força" face à necessidade, ganhar matreirice e confiança mas lá chegarão, dado que sem Salvio não temos ainda dono do lugar.

O mágico (nota 10) - Nico Gaitan. Não há muitas palavras para descrever a classe que o argentino mete em campo e que faz o preço dos bilhetes parecer irrisório. Claramente nota-se que tinham razão os que diziam que ficou cá contrariado...e que não vale nada...lololol! Calcanhares, fintas de mão no relvado a fazer de pião, cabritos, passes de sonho...e golos! Vale ouro. E não tem ninguém à altura tal como sabíamos! Esteve em 4 dos golos contra os pastelinhos e nos 2 da Champions, para além de jogadas e fintas que parece que inventa a cada jogo e lhe valeriam volta à arena em ombros! Que jogador! Que reforço! A atacar...e a defender!

O abono de família (nota 10) - Jonas Pistolas! Golos, golos e mais golos! Renovou e encostou-se à sombra da reforma...ou então não. Golos, jogadas, empenho, golos, passes, humildade. Que categoria. Tem sido o abono de família no ataque. Entende-se com o Nico melhor do que ninguém e tem uma visão de jogo mesmo sem precisar de velocidade ultrasónica que permite espaços para o ponta de lança explorar. Esteve em 4 dos golos com os pastelinhos e fez o passe de morte que lançou Eliseu no segundo golo, e a surpresa foi não ter ele próprio metido nenhum nas 3 oportunidades que teve. Só lhe faltam os golos nos jogos "grandes"! Tá velho, como os trapos... :)

Pontas-de-lança (nota 8) - Jonas é o avançado que mais faz tremer as defesas adversárias e que tem faro de golo apurado aliado à técnica elevada, mas precisa sempre de um possante ponta de lança que prenda os defesas para ele se poder movimentar entre espaços...do mesmo modo que as suas movimentações passam a palavra para os colegas fugirem às marcações e aparecerem em zona letal. E é assim que tem sido. Após pré época atípica, os pontas de lança chegaram já com o comboio em andamento, mas chegaram. O primeiro a chegar segurou o lugar, mesmo perante os elevados milhões que se pagaram pelo Raúl, o Mitroglou tem feito aquilo que é suposto o ponta de lança fazer...golos! Marcou 4 em 5 jogos. E isso tem de significar alguma coisa. Sim, não foram golos espetaculares nem sempre acompanhados de exibições estupendas e regulares...mas são golos...que é aquilo que lhe pagam para fazer. Para alguém que chega com ruídos de fundo de instabilidade, sem tempo para se adaptar e preparar bem o arranque com os colegas, é muito bom. O grego (que no jogo com o Astana até apareceu algumas vezes com posição trocada com o Jonas) ainda não mostrou algo que era também um cartão de visita, falo de remates, e nesse campo temos visto pouco atrevimento e qualidade (os que fez foram fracos), mas de cabeça (exceção feita ao falhanço no jogo da Champions) já mostrou créditos, e sentido de oportunidade também. Algo que nestes últimos jogos se viu mais, foi pressão alta (carraça atrás dos defesas) e também a segurar a bola de costas para a baliza (segurou para a entrada de Nico no golo de ontem), mas mesmo assim precisa trabalhar mais o domínio e proteção de bola para potenciar as tabelinhas. Com estes números, o mexicano Jimenez tem merecido apenas os últimos 20 minutos de jogo, mas sempre com uma entrada em campo cheia de ganas e interventivo em todos os lances, fugindo para a ala, recuperando várias bolas a meio campo (?!), desmarcando-se e em curtos espaços de tempo alvejar a baliza assim que a veja à frente. No jogo com o Moreirense foi o desbloqueador e marcou assim que entrou e festejou com unhas e dentes, mas nos dois últimos jogos entrou já com os jogos resolvidos e com o resto da equipa a olhar para o relógio, mesmo assim, em ambos conseguiu aparecer na área a procurar a sua sorte. Estamos bem servidos e aqui melhor do que na época passada em termos de opções, só que são só 3 para duas posições...o que pode ser curto em caso de algum desagradável imprevisto.

Os reforços - os miúdos têm sido os verdadeiros reforços a par do ponta-de-lança, sendo que a grande decepção têm sido claramente os marroquinos que continuam sem aparecer nem convencer...

E sobre o Coletivo/Equipa:
- Sofre muito menos faltas do que seria suposto, o que pressupõe menos circulação em zona de perigo e menos velocidade nas trocas de bola?
- Não procura diagonais nas costas dos defesas, e isso viu-se na Champions com o Guedes a fazer o movimento/desmarcação várias vezes, mas nunca lhe procuraram meter a bola.
- Demasiadas e infantis perdas de bola e passes falhados na defesa e meio campo. Significa aselhice ou falta de movimentação para abrir linhas de passe?
- O meio campo é macio e em largos momentos de jogo parecem completos desconhecidos um do outro, o que não se compreende. A equipa ainda está orfã de um Enzo e por isso a bola circula sempre junto à linha lateral, onde a ordem é para cruzar.
- A união que há entre os elementos do plantel é contagiante e bem visível, tal como o orgulho que há entre os mais experientes e os putos que estão a ter as oportunidades para jogar, e aí reside a força que têm de usar para em conjunto com o manto protetor levar batalha a batalha o símbolo que trazem no peito para vencer!
- Depois de um jogo em que estivemos concentrados do princípio ao fim, voltámos a ter só meia parte de atino, algo que não pode acontecer noutros jogos, como domingo. A verdade é que mesmo com muitas falhas e lacunas a precisar de acerto...nesta altura, no arranque da época passada...estávamos a jogar bem pior e a somar pontinhos com muita sorte apenas e qualidade bem reduzida... A grande questão é se depois isto se aguenta e endireita a valer e nessa altura estaremos bem posicionados ou se os cagões mesmo sem jogar um chavelho ganham avanço.

Treinador (nota 6,5) - Para o fim guardei o mister. Não é o Melhor treinador do Mundo, mas também não é o pior. Pessoa humilde, sim. Honesto e trabalhador, parece-me. Dedicado e até Benfiquista. Pequeno para um Clube tão Grande, talvez... Mas mais pequeno ou menos qualificado do que o seu antecessor quando aqui chegou? Não. Nem pensar. Não me parece de todo que esteja abaixo do que o fdpjudas era quando chegou ao Maior de Portugal! Está, isso sim, uns quantos furos ainda abaixo do que ponto a que o fdpjudas atingiu ao fim de seis anos num Clube com a dimensão do Benfica, e graças às condições e tudo o que passou neste tempo, em que pode conhecer, melhorar, aperfeiçoar e corrigir erros. Mas isso só com tempo se consegue permitir lá chegar...sim, permitir, pois depois depende dele próprio decidir se atinge ou não o pico. Para já, e isso viu-se após duas semanas de serenidade, é preciso tempo e condições para trabalhar. Condições tem, no Campus, e com equipa com qualidade, independentemente de não ter recebido as mesmas fontes de financiamento que lhe dariam os reforços urgentes e em tempo útil, nem ter podido preparar o início de época devidamente, mas isso também será a arma, ou melhor, o escudo que lhe servirá de proteção se o rumo (que será atribulado) for começando a desviar dos objetivos. Desligar por completo das redes e comunicação social, fechar por completo portas e janelas às tentativas de desestabilização e picardias...e trabalhar!

Nós, lá estaremos! Por ti, BENFICA! Quero-te ver a ganhar!!!!!

Difícil de explicar! Parecia um miúdo em véspera de voltar à escola!

Falhei os primeiros 4 jogos do Maior de Portugal. Falhei-os a todos.
A todos, todos mesmo, em condições normais, teria estado presente nas bancadas. 
Para todos, todos esses 4 jogos, eu tinha já o meu bilhete assegurado, companhia, viagens combinadas, estadias, logística toda preparada para lá estar. Onde gostamos de estar, onde sentimos a obrigação de estar…onde nos sentimos mal…e nem nos reconhecemos…quando não podemos estar.
Ainda na semana passada o JG do RedPass escreveu algo que para nós parece tão simples, tão fácil de entender, mas no entanto é sempre tão difícil de explicar…temos necessidade de lá estar…e quando não podemos ir…não nos esquecemos…e ficamos sempre com a sensação de que até devemos uma justificação ao Clube por não termos podido lá estar.

No dia em que cheguei ao Algarve para ir ver a Supertaça…o telefone tocou...um toque estranho...e uma voz de timbre diferente do habitual...recebemos uma notícia triste…e tivemos de nos fazer à estrada novamente sem desfazer as malas…pela segunda vez em 15 anos (foi a 15/12/2001, no último derby na antiga Luz)…enquanto decorria um derby, eu estava no velório de um familiar próximo. Não vi o jogo…parece que não correu bem…tal como daquela outra vez.
Estes imprevistos com consequentes marcas que nos deixam…entre tantos outros que às vezes parece que é mesmo uma “bola de neve” que quando começa a correr mal, leva tudo atrás…levaram a que não pudesse estar na Luz nem em Aveiro… 
A pausa no campeonato veio dar a estabilidade que a equipa precisava, mas também para arrumar a casa e dar à família o que era preciso neste momento. Havia quem pensasse que eu andava assim porque os resultados não apareciam como desejável…não sabiam do que se passava, não sabiam com que lidávamos, nem mesmo que, apesar de tudo, até viagem à Madeira entretanto já tinha marcado. 
E para tudo, há um momento. Este era o momento, de voltar a casa. A Nossa Casa!

Nas últimas 4 épocas assisti ao vivo sempre a 32 ou 33 jogos! Em casa, fora, seja onde for…se eu pudesse queria estar lá…e quando não podia…ficava-me a remoer…e de repente…até com uma pré época atípica com jogos lá longe…não me recordo de tanto tempo sem meter o cachecol do Maior de Portugal ao pescoço!


Por tudo isto, na noite de 5ª pra 6ª feira…véspera do jogo na Luz contra os pastelinhos de Belém…quando me ia deitar senti um estranho nervosinho na barriga…uma sensação estranha que já não estava habituado…e foi aí que me dei conta…há mais de 3 meses…há mais de 100 dias…mais propriamente 105 dias…que não vou ao Estádio ver um jogo do Glorioso! Disse para a babe, sinto-me como um miúdo nas vésperas de ir à escola pela primeira vez! Ela respondeu, não sejas tonto, eu vou contigo!
E assim foi...amigos, primos, esposa...lado a lado...e a equipa...recebe-nos...daquela forma...com aquele futebol, com aqueles golos (6)...com aquela alegria...

Percebem agora...o porquê de querermos sempre lá estar? É difícil de explicar, por isso ontem lá voltei para Te apoiar! O regresso à principal Competição Europeia de Clubes, o regresso ao palco dos Campeões! Jogamos contra quem? Não interessa! Joga o Benfica! Vence por nós! E assim foi!

Benfica, do Meu coração!